p Ciranda Cirandinha: 130 vozes .comment-link {margin-left:.6em;}

Ciranda Cirandinha

A aventura de se ser Mãe e Mulher

4º aniversário da Beatriz

Wednesday, February 23, 2005

130 vozes

Apesar de, na prática, quase qualquer pessoa nascer com capacidade para produzir sons e cantar, a utilização do aparelho vocal como instrumento específico do canto é um processo complexo e difícil, porém soberbo – quando o é conseguido com mestria. A voz implica cuidado permanente e um trabalho constante e, para além disso, tem um prazo de vida relativamente curto. Degrada-se com o tempo. Não há quem lhe escape. Há que investir e aproveitar enquanto sentimos que estamos no seu melhor.

Por essas mesmas razões, estou a pensar num novo desafio. Começar ensaios para estudar o Requiem de Brahms. A estrear em Outubro, com orquestra. Que vos parece?

*** Ciranda

9 Comments:

At 12:33 AM, February 24, 2005, Blogger gracinha, a artista do burlesco said...

É a loucura! Excelente ideia! Se quiseres alternar com a Deutsche Messe de Shumann, que estamos a ensaiar daqui deste lado, avisa!!!!
Quanto à voz... pergunto-me... pergunto-me se os mon chéries a adoçarão, ou a entorpeçarão (eu não faço ideia se estas palavras existem, mas é fixe!)
Boa sorte!!! Vai em frente com o projecto!
Beijos
Gracinha

 
At 12:45 AM, February 24, 2005, Blogger C_de_Ciranda said...

Gracinha mais rápida que a própria sombra! ;) Hum.. mas olha que tu também... não tás nada mal a nível de trabalho vocal! Shumann também é muito interessante. Para quando a estreia?

*** Ciranda

PS: Quanto aos mon chéries, não faço ideia e à hora que EVENTUALMENTE me delicio com um ou outro, já não é hora de canto. É, isso sim, hora de encanto. Muahahaha!! Beijos, dear.

*** Ciranda

 
At 10:42 AM, February 24, 2005, Blogger Marquis de Sade said...

Bom se algum dia decidires cantar o "Vide Cor Meum" de Patrick Cassidy (a letra foi retirada de "A Vida Nova" de Dante), p.f. avisa que eu estou lá.
Boa sorte. Se precisares de uma aguardente velha "Levanta Mortos" proveniente de Lorobasto, avisa, não há nada melhor para amaciar a voz e o espírito.

Be cool :))

 
At 10:43 AM, February 24, 2005, Blogger Margarida Atheling said...

Bem...!!! Estou na presença de duas artistas!
A minha vocação é mesmo para a audição! Posso assitir às estreias?
Bjs.

 
At 11:47 AM, February 24, 2005, Blogger bekas said...

Acho uma excelente ideia!!
Tenho tanta pena de não saber cantar: sempre que o faço ou o maridão liga o rádio ou a TV e a minha filha manda-me calar! Sò mesmo no banho!!
Boa sorte!

 
At 2:59 PM, February 24, 2005, Anonymous Anonymous said...

explica melhor, faz favor... tou com saudades de cantar, confesso. ou então, por acaso lá no meio da orquestra não arranjas um espacito para improvisos de viola???

beijos, S. Rabitt

 
At 4:52 PM, February 24, 2005, Blogger C_de_Ciranda said...

Marquis, ainda não sou eu que decido o repertório, nestes casos. Mas, no dia em que alguém me convide para cantar tal obra, está prometido que te convido para a 1ª fila! ;)

Margarida, claro que podes! Era uma honra. Ainda não sei é onde vai ser..mas posso informar-me.

Bekas, e umas aulitas de canto, já consideraste? Podias não ir para os grandes palcos, mas sempre davas música aí a essa gente em casa ;) Hehehehe Pensa nisso!

Sandrocas, Miss Rabbtit, a minha maestrina do Coro de Jazz (o AQUIJAZZ) convidou-me para integrar o coro geral da Esc. Sup. de Música (ESMAE), que ela própria também dirige. A orquestra é também da ESMAE, mas se pensarem em meter um solo de guitarra, aviso-te heheheh

Beijinhos enormes a tutti! ;)

*** Ciranda

 
At 4:56 PM, February 24, 2005, Blogger Tão só, um pai said...

... e eu que só gostava de ter a voz necessária, para cantar o "Primeiro Beijo" do Rui Veloso.

 
At 5:07 PM, February 24, 2005, Blogger C_de_Ciranda said...

Ó Pai, tu podes não saber cantar, mas há poucos que escrevam como tu ;) E isso é um consolo! Beijinho grande.

*** Ciranda

 

Post a Comment

<< Home